Como Escolher o Tamanho das Próteses de Silicone

Recentemente a cirurgia de aumento dos seios (mamoplastia de aumento) tornou-se a cirurgia plástica mais realizada no Brasil, ultrapassando por pouco a até então imbatível lipoaspiração. Com isso, é cada vez mais freqüente entre as mulheres o dilema de qual tamanho de prótese escolher.


Como se não bastasse, nos últimos anos surgiram diversos novos formatos de próteses, inserindo mais uma variável nesta difícil equação.



Muitas pacientes vão a primeira consulta com o cirurgião plástico com o tamanho, e muitas vezes também com o formato da prótese já escolhidos. Geralmente tomam essa decisão baseadas no bom resultado da cirurgia de uma amiga ou parente, ou na escolha de alguma celebridade.



Nunca é demais relembrar que cada paciente é única. Sendo assim, a escolha da prótese de silicone deve ser individualizada, não podendo ser baseada no resultado obtido por outras pessoas, muito menos em modismos. Infelizmente, algumas destas pacientes são irredutíveis em relação ao tamanho da prótese, o que pode por em risco o bom resultado da cirurgia caso o cirurgião plástico se curve a intransigência da paciente.



Em algumas situações, a paciente deseja um resultado incompatível com sua complexão física. Nestes casos cabe  ao cirurgião plástico reduzir o nível de expectativa da paciente e explicar que tipo de resultado pode ser obtido, respeitando as características físicas da paciente. Do contrário, a cirurgia pode acabar em grande frustração para a mesma.



A decisão do tamanho e do formato ideais da prótese de silicone precisa levar em conta diversas variáveis como: resultado desejado pela paciente, tamanho e formato prévios das mamas, elasticidade da pele, grau de ptose (queda) mamária, presença de assimetria (diferença) entre as mamas, peso corporal, tamanho do tórax, biotipo da paciente.

Penso que a chave do sucesso na mamoplastia de aumento, assim como em toda a cirurgia plástica, é a comunicação entre a paciente e o cirurgião plástico.  A paciente deve descrever com riqueza de detalhes que tipo de mama deseja em relação a tamanho, formato e naturalidade. Em contrapartida, o cirurgião plástico deve apreender ao máximo as informações transmitidas e, a partir delas e do exame físico, vislumbrar o tamanho e formato ideais da prótese mamária. Então, o cirurgião deve explicar à paciente os motivos que o levaram a  sugerir determinado implante de mama, o que permite que ambos cheguem a conclusão, de forma consensual, de qual a melhor prótese de silicone para o caso.

Porém, como já foi dito, há diversos fatores que influenciam a escolha da prótese de mama ideal, o que pode gerar em alguns casos dúvidas, principalmente em relação ao melhor tamanho do implante. Com o intuito de garantir a melhor escolha, muitos cirurgiões plásticos (inclusive este que vos escreve) utilizam-se de medidores. Os medidores "simulam" próteses de silicone, o que permite ao cirurgião experimentar diferentes tamanhos  durante a cirurgia e escolher a prótese que oferece o melhor resultado.

Medidor - Divulgação Silimed


A mamoplastia de aumento é uma cirurgia fantástica, pois proporciona de forma segura, beleza, feminilidade e autoconfiança às mulheres que se submetem a esta cirurgia plástica. Entretanto, sua indicação deve ser bem avaliada e a escolha das próteses mamárias deve ser feita de forma criteriosa, para que se obtenha o melhor resultado possível.

Assuntos Relacionados:


Aumento dos Seios

Aumento dos Seios: Vias de Acesso

Aumento dos Seios: Indicações


Prótese de Silicone


Contratura Capsular

Um comentário:

Carol disse...

Li seu blog o dia inteiro hoje. O seu e de uma sentenas de despeitadas que, assim como eu, sonham em ser discípulas de Cicciolina. Amanhã é minha cirurgia e estou uma pilha de nervos. Mesmo assim, vim para dar os parabéns. Muito bem escrito e leve... tb..com esse sobrenome (rsss.. nada metida)
parabéns rapaz